Anjos no Divã

Conta-se uma historinha sobre um acontecimento inédito que se deu nas regiões celestes. Um anjo proclamou uma convocação de todos os seres angelicais especialistas em análise de comportamento, algo como os psicanalistas de anjos. Diante do edito incomum, houve um grande alvoroço entre os convocados e à medida que eles iam chegando perguntavam uns aos outros

– Você também foi convocado? Do que se trata, você sabe? Afinal nunca vimos isso antes.

– Deve ser algo muito sério. Disse um deles.

Por algum tempo permeou a dúvida entre aquela elite da análise, até que entrou na sala o anjo-mor com a resposta para todos os questionamentos provocados por aquela convocação extraordinária.  Explicou ele:

– Vocês foram chamados aqui porque estamos enfrentando um problema celeste sem precedente, trata-se da crise de identidade que alguns anjos estão enfrentando. Continuou ele.

– Estão chegando do Brasil alguns anjos com sua autoestima em baixa.  Seus semblantes são de seres derrotados, deprimidos, sentindo-se inúteis, achando-se incapazes de exercer os ofícios angelicais, principalmente se for no Brasil.

– Mas o que está acontecendo com eles? Interrompeu um dos analistas.

Explicou o arauto:

– Eles foram convocados por uma determinada igreja evangélica brasileira para comparecerem em uma reunião, e quando lá chegaram foram sumariamente demitidos, sem aviso prévio e nenhuma compaixão, e a única justificativa que os demitidores deram foi de que eles estavam fracos e não tinham condições de exercer seu papel de proteger, abrir as portas,  prosperar, cuidar e livrar as pessoas que eles estavam incumbidos de guardar.

Continuou ele.

– Por incrível que pareça, eles usaram a Palavra de Deus para justificar suas atitudes, dizendo que a Bíblia diz que “O anjo do Senhor acampa em volta daqueles que O teme e os guardar”, portanto, se isso não estava acontecendo com aquelas pessoas era porque seus anjos estavam fracos e precisavam ser substituídos por outros mais fortes.

Essa história é mais uma das muitas invenções da mente humana. Claro que não aconteceu e não acontecerá algo parecido nos céus, pois não existe anjo em crise existencial precisando de psicanalista, assim também como não existem anjos fracos ou fortes. Mas quanto à tentativa de se trocar de anjo, isso sim é verdade.

Existem alguns líderes ditos evangélicos, que não sei se acreditam neste conto ou se são apenas manipuladores de pessoas ignorantes da Palavra de Deus, que esperando levar alguma vantagem – o Espírito Santo o sabe – estão promovendo esse tipo de espetáculo, pois como diz o sociólogo Leonildo Silveira Campos, isso faz parte de toda uma encenação teatral em um mercado religioso onde vale tudo para se levar alguma vantagem, em nome de Deus.

Talvez você esteja estarrecido, como eu fiquei quando ouvi e vi as pessoas sendo convidadas para participar de referida “Corrente da troca de anjos”. O abandono da Bíblia tem levado muitas pessoas e igrejas a um total distanciamento de Deus e de Sua bendita salvação eterna, oferecida através de Seu Santo filho Jesus e anunciada para todas as pessoas pelo Espírito Santo, por meio da pregação de sua Igreja.

Alguém tinha que falar alguma coisa sobre esse tipo desmando que está acontecendo em nosso país, era necessária uma resposta bíblica para essas afrontas ao Evangelho. Não sei se sou a pessoa mais indicada, mas posso afirmar com toda certeza de que isso não passa de uma invenção humana onde Deus não participa, tão pouco autoriza alguém a falar ou promover esse tipo de coisa. Concluo essa crônica lembrando-os do que disse o Apóstolo Paulo aos Gálatas: ”Assim como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo: Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema” (Gl  1.9).

Pr. José Hélio de Lima

Postar um Comentário

Imprima seu tickets